legumes principais Receitas

    Berinjela a parmegiana

    berinjela parmegiana

    Berinjela é meu amor profundo, vocês sabem né?

    Por aqui já rolaram diversas receitas (joga berinjela na busca! ou beringela, porque eu gosto de variar, rs) com este que é meu legume favorito da vida (sim, berinjela é fruto, dizem, mas aqui em casa ela é legume e fim). Como alguém pode não gostar de berinjela? Jamais entenderei, sério. Ela é relativamente barata (pq né, barato mesmo não existe mais nada), tem o ano todo e é um baita coringa no cardápio do dia-a-dia. Frita, ensopada, assada e até crua, berinjela não falta na minha casa.

    Essa receita aqui é da Paola Carosella, do canal dela no Youtube. É uma versão muito parecida com a lasanha de berinjela e com outras receitas assadas, mas ela tem uns truques, um pulo do gato, aquela coisa de chef. Eu precisei fazer alguns ajustes nos ingredientes, mas mantive o modus operandi. Coloco a receita dela e pontuo minhas substituições, combinado? De um jeito ou de outro o resultado final é delícia, praticamente à prova de erro, pode se jogar.

    berinjela parmegiana

    Corte duas berinjelas em fatias finas no sentido do comprimento ou na diagonal, como ela cortou. Usei mandoline mas na faca super rola. Disponha as fatias num escorredor de macarrão e polvilhe um punhado de sal nas fatias. O lance é que o sal vai desidratar a berinjela, então vai soltar uma aguinha escura, por isso o uso do escorredor. Deixa assim uns 20 minutinhos. Passado esse tempo, passe as fatias pela água corrente bem rápido, apenas para tirar o excesso de sal. Agora, vem uma parte um pouco mais trabalhosa – você vai precisar secar cada uma das fatias porque elas serão fritas. Ou seja, ideal é que elas não estejam molhadas, sacou? A Paola usou dois panos – dispõe as fatias em uma única camada em um prato e usa outro por cima, para secar, mas pode usar papel toalha se preferir.

    berinjela a parmegiana

    Bom, fatias prontas agora é hora de fritar. “Ih Fabiana, eu não gosto de fritura!” Nem eu, meu bem, mas tem dias que a gente abre excessão e, especificamente aqui, a gente frita em pouco óleo, nada de imersão imennnsa. É óleo suficiente para dourar ligeiramente as fatias e pronto. E também é pá-pum – as fatias estão finas, não tem porque levar muito tempo no óleo. Tira as fatias fritas, escorre no papel toalha (ou grade, como ela usa) e reserva. Quer usar o forno? Pode também, mas tem que fazer uma camada, assar, fazer outra camada, assar e assim vai. Tb dá pra grelhar, na frgideira antiaderente, fique à vontade.

    berinjela parmegiana

    Fatias prontas, agora o que falta é montar. Para isso você vai precisar de ricota amassada, molho de tomate, manjericão fresco, parmesão ralado e farinha de rosca. Eu não tinha ricota, então processei ligeiramente um queijo minas frescal e funcionou bem. Você pode usar a ricota comum ou de búfala, vai funcionar de qualquer jeito. O molho de tomate eu já ensinei um bem bom aqui, mas você pode usar o que estiver à mão. E a farinha de rosca eu não tinha, então processei pão velho (que sempre tem em casa) com um pouquinho de sal e azeite. Fatias de tomate (ou tomatinhos cereja cortadinhos) são opcionais – eu tinha, então usei.

    berinjela a parmegiana

    Pega uma travessa que vá ao forno e comece a montagem:

    – uma camada de molho de tomate
    – uma camada de berinjela
    – um pouco de ricota (vá colocando uns montinhos, depois no forno ela se espalha)
    – tomates (se for usar)
    – manjericão
    – queijo parmesão
    – camada de berinjela
    – camada de molho de tomate
    e vai repetindo as camadas, finalizando com berinjela + molho de tomate
    Por fim, polvilhe a farinha de rosca e o parmesão ralado, para fazer uma crostinha.

    Leve ao forno médio/alto por 15 ou 20 minutos, apenas até dourar, porque os ingredientes já estão todos cozidos.

    Pronto. Deixe descansar um pouco antes de servir. Eu usei muuuuito molho de tomate e no final o prato ficou bem molhado, mas acredito que com menos molho teria ficado ainda mais gostoso. Então, faça camada fina de molho, combinado?

    É isso. Mais uma maneira deliciosa de consumir berinjela, essa linda.
    Não esquece de me marcar no Instagram quando preparar essa delícia, @faby_zanelati

    Cuidem-se
    xoxo,
    Faby

  • tarta de abobrinha
    entradas e petiscos Receitas vegetarianos

    Tartar de abobrinha

    Cansada de refogar ou assar abobrinha? Coma crua! Existe um padrão na cozinha brasileira que diz que alguns vegetais devem ser refogados ou assados, servidos sempre cozidos – abóbora, escarola, jiló,…

  • cinnamon roll
    café da manhã Receitas

    Cinnamon Rolls

    Cinnamon roll é amor <3 E a receita vem direto da @thecookieshop, minha amiga mais que talentosa, rainha dos confeitos todos, musa suprema da alta (AND baixa) confeitaria, fazedora dos biscoitos…

  • alho confit
    acompanhamentos Receitas

    Alho confit

    Cheirinho de alho? Temos! Mas quem liga pro cheiro diante dessa deliciosidade que você prepara assim, pá-pum? Hey, quarenteners! Depois de um tenebroso e assustador inverno (apesar de ser verão), voltei.…

  • antepasto de jiló
    antepastos e conservas Receitas

    Antepasto de Jiló

    Antepasto de Jiló, Fabiana? Really? É hoje que ela perde um monte de seguidores! Rá. Sim, minha gente. Jiló. Eu adoro. É, tem gente que acha amargo, eu sei. Tem gente…

  • receita malfatti
    massas Receitas vegetarianos

    Malfatti

    Você conhece o Malfatti? Até ontem eu chamava de Nhoque de Ricota, até que a Let (@letmassula) postou no Instagram e descobri que chamam Malfatti (literalmente “mal feito”) que, pela minha…

  • receita de molho de tomate
    molhos Receitas

    Molho de tomate caseiro

    Vamos fazer molho de tomate em casa? Yeah! Voltei quarenteners, todos bem? :) Aqui sigo na jornada tripla, quádrupla, quíntupla, nem sei mais, rs. A cozinha está a todo vapor sim,…

  • rosbife-caseiro
    principais Receitas

    Rosbife Caseiro

    Cozinha reformada, notaram? ;) Eu planejei a volta e decidi mudar uma coisinha aqui, outra ali… nada radical. Daí precisei mexer no código (tks, Edu!) e aquela coisa toda. Daí… bom,…