ideias, dicas e truques

Sementes de girassol

As sementes andam com tudo lá em casa – de abóbora, de linhaça, de gergelim e também essas que foram parar nas iscas de mignon com pimentão e abobrinha – as de girassol. Já provou?

Eu ainda estou me acostumando com o sabor acentuado da semente de girassol – a mais forte dentre elas – mas acho que vale testá-la em diversas preparações, até porque… dá uma olhada como a bichinha é poderosa…

Apesar de seu extraordinário valor nutritivo, alguns alimentos são pouco divulgados e por isso menos apreciados do que merecem. Um deles é a semente de girassol, muito fácil de encontrar nos bons supermercados e lojas de produtos naturais.
Quando bem tostada, o sabor é excelente e substui com muitas vantagens os salgadinhos de fim de tarde. Mas cuidado! sempre com moderação, como todas as oleaginosas, para não sobrecarregar o fígado. Como já dizia Paracelso, o renascentista suíço que antecipou os princípios da homeopatia, tudo na natureza pode ser remédio ou veneno… isso depende da dosagem. Uma colher de sobremesa de sementes de girassol, bem mastigadinhas, fazem bem à saúde. Elas podem também ser misturadas à salada de folhas ou de frutas, batidas em sucos ou integradas a massas.
A semente de girassol contém em alto grau algumas substâncias fundamentais para a alimentação, como as vitaminas A e E, potássio, magnésio, selênio, fibras e as famosas gorduras poliinsaturadas, as melhores amigas do coração. O selênio é um mineral capaz de regenerar o DNA e inibir a proliferação de células cancerosas. O potássio é aquela substância maravilhosa que garante o relaxamento dos músculos e a vitamina E é um excelente antinflamatório e antioxidante, portanto prolonga a juventude do organismo e protege o sistema imunológico. A vitamina A fortalece as mucosas e protege a visão. A natureza é mesmo fantástica!
Quer mais? Pesquisas recentes indicam que o uso da semente de girassol parece amenizar os sintomas da TPM, pois favorece a produção da serotonina e diminui os distúrbios de humor.
Fique de olho também em sua prima ‘árabe’, a semente de abóbora, que não fica nada atrás na questão do valor alimentício.
Leia a matéria na íntegra na excelente Revista Vida Natural.
Aqui no blog já publiquei uma outra receita em que ela aparece:
Medalhão de robalo com sementes e grãos acompanhado de batata chips

Você Pode Gostar Também

3 Comentários

  • Reply
    Karina Batista
    15 de setembro de 2011 at 17:43

    Faby, tô tentando lembrar, mas é bem possível que eu nunca tenha experimentado semente de girassol. Vou tentar inclui-la no meu dia a dia.. Beijos

  • Reply
    Karina
    15 de setembro de 2011 at 18:55

    Já usei e gostei do resultado. Confesso que preciso incorporar as sementes na minha rotina diária.

  • Reply
    Dani Falcão
    16 de setembro de 2011 at 7:50

    Nossa, adoro semente de girassol, soja e já torrei as de abóbora, que dizem, é vermífugo natural. As sementes são excelente saída para minhas escapulidas entre as refeições, gosto muito. Quando faço peixe ou frango grelhados incorporo amêndoas torradas, fica uma delícia!

Deixe uma Resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.