bolos e tortas doces Receitas

Torta de frutas

(a torta antes de receber a “cobertura de brilho”)

A receita veio da net, do site Receitas de Bolos e Tortas Doces, e eu não mudei quase nada, a não ser pelo acréscimo de baunilha no recheio e de abacaxi nas frutas que cobrem a torta. No resto, obediência total =)

A massa…
É claaaaro que a massa é de biscoito, minha massa preferida pela praticidade e pelo sabor (e também porque, vocês sabem, eu não sei fazer massa sovada, pff). Aqui, o biscoito usado é o Aveia & Mel da Nestlé, triturado no liquidificador e depois misturado à 1/2 lata de creme de leite até obter uma massa homogênea. Com essa massa, é só cobrir o fundo e as laterais de uma fôrma de aro removível de 25 cm e levar ao forno médio pré-aquecido por cerca de 10 minutos, ou até a massa dourar ligeiramente.
Mais fácil do que isso não acho que exista, néam? =)

O recheio…
Numa panela é só misturar 1 lata de leite condensado, 2 gemas peneiradas, 2 colheres (sopa) de maizena dissolvidas em 1/2 xícara de leite (eu acrescentei também um pouquinho de extrato de baunilha) e deixar que tudo cozinhe em fogo baixo, mexendo sempre, até ficar um creme consistente. Depois, é só desligar o fogo e juntar a 1/2 lata de creme de leite que sobrou e umas raspinhas de limão (que eu esqueci…dã). Tem que deixar esfriar um pouquinho e depois cobrir a massa que já estava lá, assada e reservada.

A cobertura…
Use as frutas que você quiser para cobrir sua rica torta. Eu usei pêssego em calda, kiwi, abacaxi e morango, mas a escolha é sua. Disponha as frutas por cima da torta e cubra com uma mistura de 1/2 xícara de calda de pêssego com 1 colher (sopa) de gelatina em pó sem sabor – é isso que vai dar um brilho bacana na torta. A gelatina você dissolve em 3 colheres (sopa) de água, em banho maria… depois, junta a calda e leva essa mistura para outro banho maria, dessa vez com água gelada e pedras de gelo – a ideia é acelerar o processo que fará a gelatina dar uma endurecida para que então você possa jogar essa calda por cima das frutas, já que se você cobrir a torta com essa gelatina muito líquida a parada vai ficar uma meleca, sacou?

Bom, feito tudo isso, é só levar à geladeira por umas horinhas, até que a gelatina de cima já esteja durinha e brilhante. E olha só… se você achar o lance da gelatina muito complexo, pode fazer uma caldinha de geleia que também rola lindo, viu? Neste caso, é só aquecer a geleia de sua preferência em banho maria e usar como cobertura da torta.

Eu servi com sorvete de creme (e fico devendo uma foto decente, porque essa última aí só demonstra o meu estado…er… alcóolico no momento que servi a sobremesa) e só lhes digo que não sobrou nem o cheiro – o povo pirou na torta, viu? Então, se você estava buscando uma sobremesa fácil e bonita para a ceia de Natal, aqui está ela! ;)

Nos vemos no finalzinho do ano, ok?

Fui!

Você Pode Gostar Também

Sem Comentários

    Deixe uma Resposta

    *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    Como fazer Cebola Empanada Receita de Cuscuz Paulista Como fazer Arroz Doce Receita de Curau Como fazer Maçã do Amor