Receitas

Cozido de carne com cerveja, grão de bico e especiarias

Já que estamos no inverno, nada melhor do que um bom e fumegante cozido. E já que estamos em plena crise, nada como economizar. Este prato junta as duas coisas – um cozido delicioso e econômico.

A economia fica por conta da carne utilizada: brisket, que nada mais é do que um corte do bom e velho peito, perfeito para longos cozimentos. Aqui, ele durou cerca de três horas em fogo baixo, mas o resultado vale cada minuto. Além do mais, quem cozinha é o fogo, néam? Você só precisa ir lá de vez em quando, dar uma mexida e adicionar mais água quando for o caso. Pode cortar caminho e ir logo para a panela de pressão, fique à vontade.

A primeira coisa que fiz (além de deixar o grão de bico de molho de um dia para o outro) foi limpar bem a carne e cortá-la em cubos grandes (usei cerca de 1,200 kg para servir – bem – 4 pessoas). Depois, temperei os cubos de carne com uma mistura feita no olho, mas que você pode fazer de acordo com suas preferências. Para as especiarias, use uma colherzinha de café, ou um pouco menos se você ainda for principiante com elas. Aqui usei: alho amassado (uns 4 dentes), alecrim, louro, cominho, páprica picante, gengibre em pó, pimenta calabresa, uma pitadinha de canela em pó (cuidado com ela!), mel, limão e sal. Faça uma mistura com tudo isso e coloque na carne, mexendo bem para que todos os cubos fiquem em contato com a marinada. Deixei descansar umas 2 horas, para a carne absorver bem o tempero.

Numa panela de fundo grosso é só colocar um fio de óleo e começar a dourar a carne. Perca um pouquinho de tempo nessa etapa porque ela é que vai garantir aquela morenice brejeira para seu cozido. Vá fritando, mexendo, até que comece a grudar no fundo da panela. Junte duas cebolas picadas e deixe fritar também. Quando ela estiver bem dourada, é hora de acrescentar a cerveja. Eu usei uma IPA (India Pale Ale), mas você pode usar uma cerveja pilsen comum ou uma cerveja preta, que fica sensacional também. Para essa quantidade de carne usei pouco menos do que uma long neck, ou seja, uns 250ml.

Depois de acrescentar a cerveja, mexa bem, soltando tudo que grudou no fundo da panela. Cozinhe até a cerveja ter quase evaporado (não se preocupe porque o álcool vai embora nesse processo). Agora é hora de juntar água fervendo (coisa de 1 litro mais ou menos), mexer, abaixar o fogo, tampar a panela e deixar cozinhar.

De vez em quando, vá lá dar uma olhadinha e cheque se precisa de mais água (sempre quente!). A carne começa a cozinhar depois de uma hora de cozimento, daí é só ir acompanhando.

Quando você sentir que a carne já está macia, mas ainda não chegou no ponto, pode acrescentar o grão de bico (que ficou de molho, lembra?) escorrido. Mexa e deixe o fogo terminar o trabalho, cozinhando o grão de bico nesse caldinho saboroso de carne. Está pronto quando tudo estiver macio – carne e grão de bico (que não é pra desmanchar!).

Eu juntei cenoura quando acrescentei o grão debico porque eu AMO cozidos com cenoura. Adoro a doçura que ela tem e o sabor que ela absorve em pratos desse tipo, mas é super opcional, ok?

Finalize com salsinha picada e sirva com o acompanhamento que preferir: arroz, purê e cuscuz marroquino, como esse meu, são perfeitos.

Abra um vinho e aproveite! Afinal, o frio tem que ter alguma vantagem, não é mesmo? ;)

cozido_carne_com_cerveja_pap(o segredo é dourar bem!)

Você Pode Gostar Também

11 Comentários

  • Reply
    DIVÂNIA
    16 de julho de 2015 at 17:53

    Faby, estou salivando,amo esse tipo de preparação, que leva hoooras, pois todos os sabores acentuam…Me conte uma coisa; que tratamento você deu ao couscouz nesse caso, só hidratou???
    abreijus

    di

    • Reply
      Faby
      17 de julho de 2015 at 12:02

      Oi Divânia,

      Hidratei com caldo de legumes e acrescentei damasco picado e nozes.

      Bjo!

  • Reply
    Marla
    17 de julho de 2015 at 7:45

    Vou fazer com certeza! Adoro seu blog! :)

  • Reply
    Bruna Carla
    31 de julho de 2015 at 14:05

    Amei essa receita, deu agua na boca e fome, vou tentar fazer e vamos ve se acerto. Beijinhos.

  • Reply
    eradainternet
    29 de novembro de 2016 at 9:45

    Otima receita…. Vamos tentar para ver se sai como o seu…kkkkkkk

  • Reply
    valda
    29 de dezembro de 2017 at 2:18

    nao tem coisa melhor do que comer um cozido bem feito, amei

  • Reply
    vanessa
    31 de dezembro de 2017 at 3:14

    adoro comer cozido ainda mais no frio, obrigada pela receita

  • Reply
    Curso de Pintura Hidrografica WTP
    10 de janeiro de 2018 at 22:22

    Grão de bico é tudo de bom, sempre cabe em qualquer receita. Ótima combinação, deve ser uma delícia.

  • Reply
    Adriano
    2 de junho de 2018 at 1:33

    Vou fazer , se vai ficar bom é outra história rsrs
    Um dia eu aprendo :)

    • Reply
      Faby
      12 de julho de 2018 at 13:46

      E aí Adriano? Ficou bom?

  • Reply
    Carla Silva
    3 de dezembro de 2018 at 11:53

    Gente do céu! Eu amo cozido! Preciso fazer essa receita pra ontem!!
    Amei!

Deixe uma Resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.