carnes de festa Receitas sanduiches

Carne loka, loka, loka (e desfiada)

Carne louca

Gente, carne louca! Quem nunca deu de cara com ela numa festinha infantil, daquelas de escola? Pois é. Carne louca pode ser old school, vintage e até meio clichezona, mas é bom demais. De modos que nem vou me alongar muito nas apresentações e já vou logo entregar o jeito fácil e rápido de preparar essa delícia. Se bobear, dá tempo de fazer ainda hoje :)

Dá pra fazer carne louca com miolo de acém, com peito, lagarto, pernil e também com fraldinha, como essa que fiz. O melhor é escolher esse cortes que demoram mais para cozinhar e que, quando cozidos, desfiam facilmente. Também dá pra fazer carne louca sem usar a panela de pressão, com cozimento lento e resultado incrível, então fique à vontade pra usar o método que preferir, ok?

A peça de carne que você vai usar precisa estar limpa, sem gordura, sebo. Uma peça de 1,5kg a 2kg é o ideal. Aqueça a panela de pressão e coloque um fio de óleo. Junte a carne, que você pode cortar em três ou quatro pedaços grandes. Deixe fritar até que a água que ela vai soltar seque e comece a ficar dourada. Eu já disse aqui e repito – não consigo fazer nenhum tipo de carne na panela sem obedecer esse processo. Pra mim ele é fundamental para garantir um molho escurinho e saboroso.

O próximo passo é temperar a carne. Primeiro, alho e cebola em quantidades generosas. Junte-os e deixe que comecem a fritar também. Nesse momento  é hora de juntar um pouquinho de vinho tinto – ele vai soltar todo esse fundo da panela e, claro, dar sabor à carne. Depois, pimentão vermelho e verde em fatias (1 de cada), uma cenoura em cubinhos, 4 tomates bem vermelhinhos sem pele e sem semente (pode ser 1 lata de tomate pelado), duas folhas de louro e temperos a gosto: sal, pimenta calabresa e um tico de cominho e de molho inglês. Deixe tudo fritar mais um pouco e finalmente cubra a carne com água fervente ou caldo de carne. A quantidade de água/caldo deve cobrir a carne e mais uns 3 dedos.

Tampe a panela e cozinhe por cerca de 1 hora, abrindo na metade do cozimento e acrescentado mais água/caldo se necessário. Quando a carne estiver no ponto, ela vai desmanchar apenas de você mexer com uma colher. Esse é o ponto certo. Nessa hora eu gosto de juntar mais cebola em meia lua e mais um pimentão em fatias fininhas e cozinhá-los rapidamente, para que não sumam. Eu gosto quando tem cebola e pimentão aparecendo na carne louca, mas isso vai de gosto. Se você não curtir a ideia, é só limar esse acréscimo, ok?

A carne estará pronta quando o caldo tiver secado e o que restar dele seja um molhinho bem espesso. Se for cozinhar sem pressão, pode triplicar esse tempo e vai ser necessário mexer de vez em quando. Depois de cozida, basta finalizar com cheiro verde picadinho e acertar o tempero se necessário.

Essa carne vai pra dentro do pão francês e vira aquele sanduíche loucura-loucura-loucura e, se sobrar (o que eu acho bem difícil), pode muito bem virar recheio de torta ou molho para uma massinha sem compromisso.

Se você ainda não se arriscou a preparar uma receita de carne louca, está mais do que na hora de mudar isso aí! Esse é daqueles pratos que com o tempo a gente prepara de olhos fechados e que sempre vai ficando com a nossa cara, do nosso jeito e até com nosso nome. Até que um dia alguém vai dizer “ah, podia ter a carne louca da Fulana, né?”. É isso. Carne louca vira marca registrada na cozinha :)

Você Pode Gostar Também

8 Comentários

  • Reply
    Adriana
    18 de maio de 2016 at 10:44

    Que maravilha ! Eba quero muito !

  • Reply
    Carlos Pêra
    21 de outubro de 2016 at 20:09

    Faby, pesquisei mil receitas e a sua foi, de longe, a mais legal! Fiz com coxão duro e ficou absurdamente bom.

    Muito obrigado. Vou fuçar muito no seu blog.

    Bjo

    • Reply
      Faby
      24 de outubro de 2016 at 10:07

      Oi Carlos! Ah, que bacana!!!! Adoro quando um plano dá certo :)

      Bjo!

  • Reply
    marina rissoli ecclissato
    27 de dezembro de 2016 at 19:28

    adorei a explicacao …tenho certeza que ficara maravilhosa….
    obrigada

  • Reply
    Rosania calissi
    3 de novembro de 2017 at 18:32

    Oi. Eu amei esta carne loka, loka, loka. Eu fiz e ficou maravilhosa. Fui fazer novamente e ñ achava a sua receita, fiz uma outra e ñ ficou legal. Sua receita é maravilhosa. Parabéns!!!! Agora copiei a receita, ñ perco mais, rssss

    • Reply
      Faby
      14 de novembro de 2017 at 17:04

      Oba Rosania!!! <3

  • Reply
    Nicole
    9 de março de 2018 at 15:13

    Eba, obrigada pela dica sobre como fazer sem panela de pressão. Eu moro na Inglaterra e aqui é difícil encontrar uma para vender, mas eu estou morrendo de vontade de comer carne louca :P Ainda bem que tem como fazer sem a panela! :D

  • Reply
    Jacqueline
    8 de junho de 2019 at 20:44

    Excelente! Cada detalhe conta no sabor. Deixar a carne fritar antes de fazer o caldo. O toque do pimentão no final… Deliciosa mesmo.

Deixe uma Resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.