sh Risoto integral de escarola > Pimenta no Reino

Risoto integral de escarola

Eu sempre amei risoto e depois que descobri que dá para fazer versões mais leves e nem por isso menos saborosas, minha relação com o prato virou de amor profundo.

Lá em casa tenho investido muito nessa versão que tem alguns pequenos truques…

1) Substituir o arroz arbóreo pelo integral (do tipo longo);
2) Substituir a manteiga por azeite;
3) Utilizar creme de ricota para garantir a cremosidade;
4) Apostar em um excelente caldo de legumes para adicionar sabor.

Basicamente é isso e o passo-a-passo nessa versão ficaria assim…

A primeira coisa a fazer é um bom caldo. Dá pra usar o tablete, claro gente, não sou eu quem vai limar. Mas, se você quer um conselho, aproveite as hortaliças e legumes que você trouxe da feira e faça seu próprio caldo – é fácil, juro.

Use talos, cascas de vegetais, aquela parte da salsinha e do alho poró que você descarta, enfim… aproveite integralmente tudo que conseguir e adicione alho (só dar uma leve batida nele e usá-lo com casca mesmo), cenoura, salsão (eu odeio, mas se você curte, fique à vontade), um pouquinho de cravo, folhas de louro, pimenta seca (se você curtir pimenta), ervas. A ideia é levar tudo para a panela, cobrir com água  e deixar cozinhando lentamente, por uma hora mais ou menos. Depois, é só coar. Eu faço sem sal porque prefiro, ok?

Feito o caldo, vamos ao risoto…

Eu gosto de cozinhar o arroz integral na panela de pressão – junto 1 xícara do arroz, acrescento o caldo, um pouco de sal e boto para cozinhar. Eu acabo descobrindo o ponto só de mexer na panela, mas geralmente depois que pega pressão é rápido mesmo. Se você tiver dúvidas, prepare o arroz com as medidas e tempos sugeridos na embalagem.

Para fazer essa receita, cozinhei o arroz e quando ele já estava cozido, mas ainda restava um pouquinho de caldo, acrescentei a escarola picada grosseiramente. Veja bem, como usei uma folha e queria que ela ficasse crocante, deixei para juntá-la bem no final mesmo, quando já estamos nos finalmentes da preparação.

O toque final vem por conta do creme de ricota, que adiciono no finalzinho (como se fosse aquela manteiga final que vai no risoto tradicional, sabe?). Eu uso pouco, só o suficiente mesmo para dar uma certa cremosidade. Depois, é só acertar o sal e  juntar ervas frescas picadas, se você quiser.

Para servir, vale um fiozinho de azeite e uma pimenta do reino moída na hora.

Como esse mesmo modus operandi, dá para fazer o mesmo risoto com outros tipos de folhas (rúcula, agrião), dá para incrementar com tomate cereja, mussarela de búfala… fica muito gostoso com ervilha torta, com muito alho poró… pode-se acrescentar mandioquinha ou abobrinha ou pimentão ou berinjela … enfim, dá para usar diversos ingredientes leves para compôr o seu risoto e, garanto, vai ficar delícia de qualquer jeito ;)

Então, corre aqui e me conta depois como ficou sua versão integral de risoto e se você não a.m.o.u esse modo mais leve de degustar essa delícia? Fechou? ;)

6 Comments
  • Ana Lívia
    agosto 24, 2012

    Faby, só uma dúvida: depois que ele tá cozido e pode acrescentar as folhas, ainda deixa meio molhadinho, pra ficar com “cara” de risoto? Ou deixar secar e coloca o creme de ricota pra dar essa consistência?
    Beijo

    • Faby
      agosto 24, 2012

      Sim, pode deixar meio molhadinho, Ana Lívia. Não precisa secar completamente o caldo não.

      Bjo!

  • Ana Lívia
    agosto 28, 2012

    Obrigada Faby, vou testar!
    Bjo

  • Andressa
    novembro 16, 2012

    Que delícia!
    Adorei a ideia de o caldo ser feito em casa… adoro esse do it yourself. Muito mais saudável e saboroso!!

  • Dora Ferreira
    dezembro 7, 2012

    Oi Faby.
    Te acompanho desde os tempos do Rainhas.
    Deus abençõe o seu dom para fazer comidas tão apetitosas.
    Estou passando por um momento difícil sem cozinheira e comendo nos restaurantes da vida e morrendo de saudades da comidinha caseira. Adoro comida vegetariana e vi que aqui tem algumas bem legais. Não tenho o dom que você tem e não cozinho há bastante tempo mas agora estou me animando para aprender a fazer e a me organizar montando cardápio semanal para não comprar muito e perder e ter que jogar fora. Espero conseguir. Sei que vou passar por aqui muitas vezes.
    No livro que você a katita lançaram tem muitas receitinhas saudáveis e rápidas para iniciantes?
    Beijo.

    • Faby
      dezembro 10, 2012

      Oi Dora,

      Nosso livro só tem receitas para iniciantes :) Acho que vc vai curtir.

      Bjinho!

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*