Frango com quiabo

Não é o ensopado e portentoso prato conhecido em Minas (que eu amo, aliás), mas é uma variação que rola muito na minha casa. Meu glorioso marido, do frango só come o peito (chicoteia, Senhor!), então vivo fazendo milagres com os filezinhos Korin que ele tanto ama.

Essa versão é bem fácil e se você já torceu o narizinho para o quiabo (tsc, tsc, tsc), pode substituir por algo que você goste mais, tipo, sei lá… jiló! Rá! Brinks :) Enfim, troca por vagem, que também fica delícia.

O peito do frango eu corto em cubos e tempero com alho, sal, pimenta e limão. Depois, levo esses cubos para a panela com um fio de óleo e deixo dourar bastante. Junto cebola picada e mais ou menos 1 colherzinha de sobremesa de açafrão. Deixo a cebola dourar também e aí sim junto o quiabo já cortado em rodelinhas e o limão (veja o truque abaixo). Acerto o tempero e deixo cozinhar até que o quiabo fique macio. No final é só juntar cheiro verde picadinho e servir. Amo.

Ok, vamos falar de quiabo…

Sim, ele tem baba, masssssss…  tenho alguns truques que deixam a receita com zero baba. Na verdade, ela (a baba) não me incomoda, mas eu tô ligada que rola uma má querência geral com a babinha, então se joga nas dicas:

1) lave bem o quiabo e seque-os, um por um com um paninho seco ou papel toalha (é gata, eu disse que era sem baba mas também não prometi moleza, né? rs);

2) descarte a pontinha e o cabinho e corte em rodelas (ou mantenha maior, se for para salada por exemplo);

3) ao levar o quiabo para a panela, não fique mexendo! Seja no refogado, ou como aqui, já no frango, nada de ficar revirando mil vezes o quiabo – mexa no máximo para misturar;

4) esprema meio limão (ou um inteiro, dependendo da quantidade de quiabo e do tamanho do limão) por cima do quiabo já na panela, abaixe o fogo e deixe cozinhar – vinagre também serve, mas só uso se não tiver limão disponível;

5) o quiabo muda de cor quando cozinha, mas eu particularmente gosto do quiabo mais firminho… de qualquer forma, basta cozinhar até ficar macio ou no ponto que você gosta, desligar a panela e esperar uns 3 minutinhos para mexer.

Pronto! A gostosura do quiabo sem a famigerada baba do mal:)

Da próxima vez eu ensino a salada. Combinado?

7 Comments
  • Conceição
    janeiro 9, 2015

    eu já disse que vc deve ter um pé aqui em Minas….rs… aprendi a cozinhar com minha avó e ela esperava o frango ficar pronto, desligava a panela, colocava o quiabo e tampava! e quando colocava na mesa ele estava cozido, verdinho e sem baba! Coisas de uma avó meiga e doce….bjo

    • Faby
      janeiro 9, 2015

      Eu já falei Conceição, pr mim não há comida melhor do que mineira. E tenho dito! rs

      Bjo!

  • Naomi
    janeiro 9, 2015

    Fabyzinha, eu amo esse prato. Já fiz mais tradicional e assim que nem você também, e fica demais! Tinha época que em casa era toda semana, mais de uma vez.
    Meu marido, assim como o seu, sempre disse que só gostava de peito, mas eu que amo coxa e sobrecoxa não passo sem. Aí eu desosso pra ficar justo pra nós dois… E não é que o danado pegou gosto pela coisa?

    • Faby
      janeiro 12, 2015

      OI Naomi,

      Pois é, eu também já tentei desossar mas po aqui não teve jeito. Diz ele que não gosta mesmo, só do peito. E eu tb adoro sobrecoxa e coxa, minhasfavoritas.

      Bjo!

  • Rosana hashisaka
    janeiro 9, 2015

    Oi Fabi, sou Rosana casada com descendente de japonês e moro no Japão a 20 anos.
    Já te acompanho a algum tempo mais e a primeira vez que estou comentado, queria muito te parabenizar pelo seu Blog , sua receitas e seu jeito sincero e divertido de postar, me divirto com você !!!
    Hoje não poderia deixar de comentar por dois motivos:
    O primeiro quando você disse rolezinhos da Korin reconheci na hora porque a Korin e da minha igreja messiânica ,você conhece? São produtos orgânicos

    • Faby
      janeiro 12, 2015

      Oi Rosana!

      Bem vinda aos comentários então! rs
      Sim, eu conheço a empresa Korin e consumo os produtos da marca já há bastante tempo. Gosto muito e nem sabia que era da Igreja Messiânica.
      QUanto ao quiabo, por aqui eles tabém nãi andam baratos não, viu? Aliás, por aqui NADA anda barato…rs.

      Beijo e apareça mais vezes!

  • Rosana hashisaka
    janeiro 9, 2015

    Continuando
    O segundo motivo é que minha família e de Minas e eu também amo frango com quiabo pena que aqui o quiabo é caro e vende em pequenas porções de alguns quiabos apenas tipo uns oito e pequenos ainda, mais tudo bem as vezes dá para matar q vontade kkkk
    Minha linda para quem não comentava me estendi demais , mais vou largar a preguiça de lado e comentar mais vezes . Muito obrigada!!! Bjs

Escreva um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*